Unesp expõe importantes documentos da história político-social da mulher no País

Cartazes da década de 70 mostram a luta feminina brasileira e integram o acervo permanente do Centro de Documentação e Memória da universidade

Frases como O trabalho da mulher em casa, mesmo parecendo que nada produz, garante a força de trabalho dos homens e Política com cara e jeito de mulher são exemplos de palavras de ordem presentes em cartazes relativos ao Encontro de Mulheres Trabalhadoras Rurais e ao Dia Internacional da Mulher, comemorado em 8 de março. A Universidade Estadual Paulista (Unesp) coloca materiais como esses à disposição do público.

Os cartazes fazem parte do acervo permanente do Centro de Documentação e Memória da Unesp (Cedem), na capital. Dezenas de registros que expõem a condição da mulher, não apenas como coadjuvantes, mas como protagonistas da história recente, estão reunidas no local. A visitação e a consulta são gratuitas. Os textos são acessíveis também pela internet.

A coleção de documentos dos anos 70 privilegia movimentos sociais e retrata as mulheres agrupadas em torno de vários eventos, como o Dia de Protesto contra a Mortalidade Materna, o Fórum de Legalização do Aborto, o Movimento de Solidariedade da Mulher Portuguesa à Mulher Brasileira e o Congresso da Mulher Metalúrgica.

Anos de repressão

A participação política das mulheres no Brasil pode ser contada, ainda, a partir dos periódicos (revistas, jornais e boletins) que integram o acervo. “São relatórios de comitês políticos e outros papéis nos quais elas relatam os anos da repressão sob o seu ponto de vista”, informa a coordenadora do Cedem, Anna Maria Martinez Corrêa, que também é historiadora.

Assim é possível saber como as mulheres se organizavam no exílio em campanhas para combater a repressão e a tortura, saindo corajosamente em defesa da democracia e da anistia, como exibe um cartaz guardado no centro com os dizeres: Saia da sombra, diga conosco liberdade.

Rogério Mascia Silveira
Da Agência Imprensa Oficial

Reportagem publicada originalmente na página I do Poder Executivo I e II do Diário Oficial do Estado de SP do dia 11/03/2005. (PDF)

Print Friendly, PDF & Email

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.