Exportações paulistas crescem 36% em 11 meses e somam 28 bilhões de dólares

Do total vendido pelo País, São Paulo responde por 50% do café, 70% da carne bovina e 70% do açúcar e do álcool; produção chega a um terço do PIB nacional

São Paulo exportou US$ 28 bilhões nos 11 primeiros meses do ano. A quantidade vendida é 36,3% maior que a registrada no mesmo período de 2003, e a produção paulista responde por um terço do PIB nacional. O Estado perfaz 33% do total brasileiro de pedidos para o mercado estrangeiro e as importações paulistas representam 40% do volume nacional. Os números foram anunciados pelo secretário estadual da Ciência, Tecnologia, Desenvolvimento Econômico e Turismo, João Carlos de Souza Meireles, no lançamento do Catálogo do Exportador Paulista e do Programa Exporta São Paulo, no Palácio dos Bandeirantes.

“A vocação se revela pelos números: 50% das vendas nacionais de café, 70% da carne bovina e 70% da produção e exportação de açúcar e de álcool do País”, informou Meireles. Também disse que as exportações brasileiras cresceram 31,6% de janeiro a novembro. “Contados os dois últimos anos, São Paulo registrará aumento de 50% nas vendas ao exterior. Em 2002 foram US$ 20 bilhões, enquanto 2004 deverá terminar com US$ 30 bilhões”, previu.

Empresas paulistas no exterior

O Catálogo do Exportador Paulista é um banco de dados que cadastra o nome e a relação de produtos de empreendedores dispostos a fechar contratos com compradores estrangeiros. Está disponível na internet e terá, em breve, as informações reunidas num CD-ROM, que será distribuído em embaixadas, consulados, câmaras de comércio, feiras e exposições internacionais. O objetivo é divulgar no exterior as empresas paulistas que já exportam e informar os clientes estrangeiros sobre como encontrar e fechar contratos de fornecimento com os produtores de São Paulo. O empresário interessado pode se cadastrar gratuitamente no site da Central de Atendimento ao Exportador.

Meireles informa que, na página da Internet, há ainda o Checklist do Exportador, seção que oferece um questionário no site para verificar se a empresa está preparada para exportar. “Há, também, links para sites afins e um guia com 15 passos, que esclarece sobre restrições alfandegárias, legislação estrangeira, barreiras sanitárias e embarque de mercadorias, entre outros assuntos.”

Exportar para crescer

O objetivo do Programa Exporta São Paulo é ampliar a base de vendas paulista, que hoje congrega 8,2 mil empresas, e criar a cultura da exportação em pequenos e microempresários, em especial os do interior do Estado. Para isso, serão realizados seminários em várias regiões, com o nome de Exportar para crescer – Novos caminhos para o mercado externo. O programa foi desenvolvido pelo governo estadual em parceria com a Federação das Associações Comerciais do Estado e a São Paulo Chamber of Commerce.

Serviço

Central de Atendimento ao Exportador
Tel. (11) 3272-7374

Rogério Mascia Silveira
Da Agência Imprensa Oficial

Reportagem publicada originalmente na página I do Poder Executivo I e II do Diário Oficial do Estado de SP do dia 09/12/2004. (PDF)

Print Friendly, PDF & Email

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.